Governo Bolsonaro

Ministro Marcelo Álvaro Antônio é exonerado do Turismo para tomar posse na Câmara

Decreto de exoneração saiu no ''Diário Oficial da União'' desta quarta (6). Antônio é o único deputado eleito que ainda não tomou posse. Ele deve reassumir o ministério nesta quinta (7).

06 de Fevereiro de 2019 as 16h 12min

O deputado federal Marcelo Álvaro Antônio (PSL-MG) durante sessão da Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável da Câmara — Foto: Alex Ferreira/Câmara dos Deputados

O presidente Jair Bolsonaro exonerou Marcelo Álvaro Antônio (PSL-MG) do cargo de ministro do Turismo. O decreto foi publicado na edição desta quarta-feira (6) do "Diário Oficial da União".

De acordo com a assessoria do ministro, ele foi exonerado da pasta para poder tomar posse no cargo de deputado. Parlamentares eleitos têm até 60 dias para tomar posse.

Antônio é um dos quatro ministros de Bolsonaro que também é deputado e o único que ainda não havia sido exonerado pelo presidente para tomar posse no mandato de parlamentar. Ele também é o único dos 513 deputados eleitos em 2018 que não compareceu à cerimônia de posse no dia 1º deste mês. Na ocasião, a assessoria do ministério afirmou que ele estava de licença médica.

Os outros três ministros – Onyx Lorenzoni (DEM-RS), da Casa Civil; Tereza Cristina (DEM-MS), da Agricultura; Osmar Terra (MDB-RS), da Cidadania – foram exonerados para tomar posse e já foram nomeados novamente.

Nesta manhã, o ministro afirmou em rede social que retomará as atividades no ministério nesta quinta-feira (7).

"Em tempos de fake news, importante avisar: hoje tomo posse na Câmara dos Deputados e amanhã retorno as atividades frente ao Ministério do Turismo", disse Marcelo Álvaro Antônio.

O Ministério do Turismo publicou em sua página oficial, em uma rede social, que o ato publicado no "Diário Oficial da União" desta quarta é uma "mera formalidade".

"O ministro do Turismo, @Marceloalvaroan, foi exonerado no Diário Oficial da União hoje para tomar posse na Câmara dos Deputados. O ato é mera formalidade. Como já confirmaram fontes da Casa Civil, amanhã o ministro retorna ao MTur para dar continuidade ao trabalho."

Íntegra do decreto

Leia abaixo a íntegra do decreto publicado no "Diário Oficial".

DECRETO DE 5 DE FEVEREIRO DE 2019

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, no uso da atribuição que lhe confere o art. 84,caput, inciso I, da Constituição, resolve EXONERAR MARCELO HENRIQUE TEIXEIRA DIAS do cargo de Ministro de Estado do Turismo.

Brasília, 5 de fevereiro de 2019; 198º da Independência e 131º da República.

JAIR MESSIAS BOLSONARO

Sérgio Moro

A exoneração trata de Marcelo Henrique Teixeira Dias, mas ele é conhecido por Marcelo Álvaro Antônio.

Perfil

Marcelo Álvaro Antônio tem 44 anos e foi reeleito em outubro para o segundo mandato como deputado federal. Ele conquistou a vaga na Câmara como o candidato mais votado em Minas Gerais, com 230 mil votos.

Nascido em Belo Horizonte, Antônio foi vereador da capital mineira antes de se eleger deputado pela primeira vez, em 2014. O futuro ministro já foi filiado a PRP, MDB, PR e, neste ano, migrou para o PSL, partido de Bolsonaro.

O ministro do Turismo integra a frente parlamentar evangélica no Congresso Nacional. Na Câmara, participou de comissões externas de acompanhamento de ações sobre o vírus da zika e da situação hídrica dos municípios mineiros.

No ano passado, Marcelo Álvaro Antônio votou a favor do prosseguimento da denúncia contra o presidente Michel Temer para o Supremo Tribunal Federal (STF). Em 2016, votou a favor do impeachment de Dilma Rousseff.

Estrutura da pasta

O Ministério do Turismo foi criado em 2003, no governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Compõem a estrutura da pasta o Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur); a Secretaria Nacional de Estruturação do Turismo; e a Secretaria Nacional de Promoção e Qualificação do Turismo.


Fonte: G1

COMENTARIOS

Mais de Política

Conduta Vedada

Ex-governador é condenado a pagar R$ 63 mil por uso de placas no período eleitoral

Taques foi condenado por 12 placas instaladas irregularmente e ainda cabe recurso

24 de Abril de 2019 as 09h43

Juíza Selma

Selma chora no plenário do Senado e diz que foi cassada por condenar “intocáveis”

Alguns senadores, como Major Jorge Olímpio e Jorge Kajuru, também se pronunciaram no plenário e defenderam a juíza mato-grossense.

23 de Abril de 2019 as 21h38

Balanço de Leis não Sancionadas

Câmara de Vereadores promulga leis não sancionadas pelo prefeito

De acordo com a Lei Orgânica, a sanção ou veto é de responsabilidade exclusiva do prefeito, quando ele não o faz dentro do prazo, a responsabilidade é do presidente do Legislativo

23 de Abril de 2019 as 18h06

Desenvolvimento Econômico

Vereadores aprovam lei que estabelece o turismo rural em Lucas do Rio Verde

O projeto é de autoria do vereador Fernando Pael e visa organizar e incentiva o turismo no município

17 de Abril de 2019 as 14h34

Transmissão ao vivo

Vereadores aprovam projeto e licitações deverão ser transmitidas pela internet

O objetivo é garantir mais transparência as ações do poder público e facilitar os acesso da população

17 de Abril de 2019 as 09h20

Senadora Cassada

Fávero: “Quem pretendia sentar na cadeira vai ter que esperar”

Caso um novo pleito ocorra, PSL deve colocar novo nome na disputa; Silvio Fávero pode ser um deles

13 de Abril de 2019 as 19h41

Educação

Vereadores, Paulista e professora Cristiani, conseguem a liberação de recurso atrasado

Foram liberados pouco mais de R$ 1 milhão, o valor será investido na ampliação do número de vagas da educação infantil

12 de Abril de 2019 as 19h46

Cenário Melhor

Rombo nas contas cai pela metade e fica em R$ 60 mi em março

Déficit no balanço poderia ser ainda menor se não fosse o pagamento de dívidas com bancos

12 de Abril de 2019 as 19h40

Cassação de Selma

Fávero declara que pode ser candidato e Janaina Riva afirma que faltou maturidade política a Selma

Selma Arruda era suspeita de ter praticado caixa dois e abuso de poder econômico durante o período de pré-campanha e campanha eleitoral do pleito de 2018.

12 de Abril de 2019 as 08h10

Apreensão de Veículos

Projeto apresentado na ALMT proíbe apreensão de veículos por falta de pagamento do IPVA

Caso aprovado, o projeto de Lei, de autoria do deputado Ulisses Morais, altera dispositivo da Lei nº 7.301, de 17 de Julho de 2000.

11 de Abril de 2019 as 10h04

Julgamento

Senadora Selma diz estar tranquila e vai recorrer da cassação decidida pelo TRE

“Não houve qualquer desequilíbrio. Não houve abuso de poder político. Todos os concorrentes ao Senado eram pessoas de alto poder econômico. Já entrando em outubro, ela estava em sexto lugar e um dos candidatos era um dos mais ricos”, concluiu.

11 de Abril de 2019 as 09h57

Senadora Cassada

TRE-MT cassa Selma Arruda e suplente por caixa 2 e abuso de poder econômico e determina nova eleição

Senadora do PSL omitiu o correspondente a 72% das despesas de campanha. Ela foi a mais votada para o cargo na eleição passada.

10 de Abril de 2019 as 19h38

Julgamento

TRE começa julgar ação que pode resultar na cassação do diploma da senadora Selma; assista

Duas ações foram propostas contra Selma, uma pelo candidato Sebastião Gomes de Carvalho (que foi candidato) e outra pelo diretório estadual do PSD, que teve como candidato ao Senado Carlos Favaro.

10 de Abril de 2019 as 09h46

Indicações

Vereador Pedro de Góis apresenta cinco indicações ao Poder Executivo

As indicações solicitam melhorias na parte pavimentação, iluminação pública, sinalização e recuperação de estradas

09 de Abril de 2019 as 10h20

Reforma da Previdência

Deputado federal defende a Reforma da Previdência e afirma que 'direitos adquiridos serão mantidos'

Para Barbudo, o 'Ministério do Trabalho é o maior inibidor de emprego no país'.

09 de Abril de 2019 as 09h29

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Enquete

Você concorda com a decisão do TRE que cassou o mandato da senadora Selma Arruda?

Sim

Não

Parcial
veja +

COTAÇÃO