Vereadores questionam o aumento na tarifa de água concedido pela prefeitura

O aumento, de 9.22%, foi concedido pelo Poder Executivo sem antes, discutir com os vereadores e com a população

07/02/2017 - 16:43:11

   

A partir deste mês, as contas de água de aproximadamente 20 mil domicílios atendidos pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Lucas do Rio Verde sofrerão um reajuste de 9.22%.

O assunto foi um dos mais discutidos pelos vereadores, durante a última sessão ordinária, realizada na tarde de ontem (06).

Com o plano de governo do prefeito eleito, Luiz Binotti em mãos, o vereador Dirceu Cosma (PV), ressaltou que uma das propostas do prefeito durante a campanha era a redução da tarifa, não o aumento.

“Acho inadmissível o fato de que no material de campanha do prefeito, consta como proposta de governo, a redução da tarifa de água. Agora com pouco mais de um mês, ele concede aumento, sem ao menos, discutir ou informar a população.”

O aumento foi concedido com base no Decreto n. 2.983, de 30 de dezembro de 2015, assinado pelo então prefeito em exercício Miguel Vaz. O documento previa um reajuste nas contas de água para o ano de 2016, o que não ocorreu durante o ano.

Segundo o vereador dr. Jaime Floriano (PDT), apesar do decreto, a gestão passada não concedeu o reajuste devido ao aumento do desemprego e da crise financeira instalada no País.

O percentual de 9.22%, é resultado da média da inflação, medida durante o ano de 2015, por três índices, IGPM, IPCA e INPC. De acordo com o decreto, o aumento tinha como objetivo, manter os custos dos serviços e os investimentos necessários para a ampliação da rede de distribuição de água.

“Mesmo com a necessidade de um reajuste, o ex-prefeito Otaviano Pivetta, não concedeu o aumento, por entender que aquele não era o momento. A população não tinha condições de arcar com mais um reajuste”, ressaltou Floriano.

A forma como o aumento foi oficializado também foi alvo de questionamentos pelos vereadores. Para o presidente da Câmara, vereador Jiloir Pelicioli (Mano – PDT), o Executivo deveria ter discutido o reajuste com a comunidade.

“A população foi informada do aumento por uma notinha na conta de água. Não houve diálogo com o Legislativo e nem mesmo com a população. Utilizaram um decreto de 2015 para reajustar a água em 2017.”

A Câmara de Vereadores aguarda o posicionamento do prefeito Luiz Binotti.

MT Agora - Marcello Paulino | Ascom

Mais Noticias

Contas Aprovadas

Vereadores aprovam as contas anuais de 2015, gestão do ex-prefeito Otaviano Pivetta

Articulação Política

Comitiva de Sorriso reúne-se com ministro Blairo Maggi e solicita apoio para implantação de novas estruturas no município

Audiência Pública

Audiência debaterá a produção e comercialização dos alimentos produzidos pelos chacareiros

Contas do Pivetta

Vereadores votam nesta segunda contas do ex-prefeito de Lucas do Rio Verde

24/03/2017 -

Márcio Albieri reverte impugnação de candidatura no TSE

Márcio (PSD) que fez 1.075 votos, não teve votação computada em razão da impugnação declarada pela Justiça Eleitoral de primeiro grau e pelo TRE, porém o TSE entendeu de forma diferente e admitiu o recurso

16/03/2017 -

Audiência termina com a formação de uma comissão que irá avaliar a implantação do estacionamento rotativo

Fazem parte da comissão, comerciantes e representantes das entidades, Câmara de Vereadores e prefeitura

15/03/2017 -

IPTU gera polêmica em Lucas do Rio Verde, secretário esclarece o projeto de Lei enviado para a câmara.

"Estamos estudando um desconto maior para quem realizar o pagamento à vista, esse é o conteúdo real do projeto e não de aumento do IPTU"

15/03/2017 -

Vereador Dirceu Cosma critica aumento de 20% no IPTU 2017

O projeto está sendo discutido no Legislativo. Amanhã (16), os vereadores se reunirão com o prefeito Luiz Binotti para propor um desconto sobre o valor

15/03/2017 -

Vereadora professora Cristiani promove debate sobre a Reforma da Previdência, amanhã (15), na Câmara

Antes da reunião, será realizado um apitaço com concentração a partir das 7h, na rotatória da Igreja Rosa Mística e caminhada até o Poder Legislativo

15/03/2017 -

Vereadores aprovam projeto que garante descontos no pagamento de impostos atrasados

Com o Refis, os contribuintes terão descontos no pagamento de impostos municipais, que poderão chegar a 100% sobre os juros e multas

15/03/2017 -

Servidores da educação param contra reforma da Previdência

O sindicato dos professores, o Sintep-MT, afirmou que a paralisação é de 100% e atinge servidores da rede estadual e municipal, o que representa mais de 100 mil trabalhadores no estado

14/03/2017 -

Vereadores aprovam projeto destinando R$ 1.8 milhão para o Hospital São Lucas

O valor será utilizado para o pagamento do salário dos médicos referente ao mês de dezembro de 2016 e alguns fornecedores.

09/03/2017 -

Vereadores aprovam projeto que autoriza a contratação de orientadores de atividade física

A contratação dos profissionais possibilitará o desenvolvimento do projeto “Cidade Viva”.

07/03/2017 -

Câmara promove audiência para debater a falta de vagas de estacionamento na área central

A audiência será realizada na próxima terça-feira (14), a partir das 19h, na Câmara de Vereadores

07/03/2017 -

Vereador Callai sugere trancar a pauta até que o Executivo encaminhe projeto destinando recursos ao HSL

A proposta conta com o apoio do presidente da Casa, vereador Mano e dos vereadores, Dirceu Cosma e Márcia Pelicioli

07/03/2017 -

"Se o cavalo passar arreado na minha frente, certamente eu vou"

Candidatura do ministro da Agricultura é defendida por lideranças do PP e de outras siglas

06/03/2017 -

Câmara de Vereadores de Lucas do Rio Verde recebe ciclo de capacitações do TCE-MT

O evento começa na quarta-feira (08) e segue até o dia 10. Ainda na quarta-feira (08), será realizado o Programa Consciência Cidadã, com início às 19h, na Deseo Club

06/03/2017 -

Maggi diz como é pertencer a partido notório pela corrupção

Ministro também falou sobre constrangimento de conviver com colegas envolvidos em escândalos

04/03/2017 -

São apresentadas 26 projetos, 16 indicações e vários requerimentos durante a 4ª sessão ordinária

Foi concedido o titulo de Utilidade Pública a duas entidades do município: Associação Santuário Nossa Senhora do Sorriso e para a Associação de Protetores de Animais Focinhos Carentes de Sorriso