Inteligência Artificial

Adeus aos currículos: empresas usam robôs e games em seleção de vagas de emprego

Adeus aos currículos: empresas usam robôs e games em seleção de vagas de emprego

16 de Janeiro de 2019 as 20h 10min

Entregar currículos na porta das empresas? Enviá-los por e-mail e ficar esperando uma resposta? Participar de um processo seletivo que se resuma a uma entrevista? Essas práticas estão sendo substituídas pelo uso da inteligência artificial que incluem até jogos, desafios de lógica e robôs na seleção dos candidatos.

Aplicativos e sites tentam modernizar as técnicas de recrutamento para economizar tempo e atrair candidatos mais jovens ou adaptáveis. O contato pessoal com a empresa vem só nas fases finais.

Essa tendência de usar a tecnologia como método de seleção representa também uma mudança de perspectiva das empresas: elas não querem só saber a universidade onde alguém se formou.

“O diploma mostra qual graduação você fez. Mas, quando algum game é proposto, por exemplo, consigo ter acesso a muitas outras informações – um jogo propõe desafios e o candidato mostra quais estratégias usa diante de dificuldades”, explica Márcia Ballariny, professora de planning for branding da ESPM-Rio.

Segundo a docente, isso ajuda a empresa a trazer alguém que tenha a ver com a vaga e que não vá pedir demissão ou ser demitido dali a 2 meses. É importante ter alguém rápido? O game ajuda a selecionar a pessoa com o perfil certo.

 “Não é justo eliminar um candidato que tenha vindo do interior e cursado uma graduação mediana. A perseverança dele pode acrescentar muito à equipe. Há 10 anos, era diferente; hoje, queremos diversidade”, completa Márcia.

Os robôs ou “bots”

Além de games, há o uso dos chamados “bots”, espécies de robôs que conversam com os candidatos em chats online. O publicitário Kleber Piedade, em junho de 2017, fundou a Matchbox exatamente com esse foco – elaborar processos seletivos com base em bots.

“Existe uma procura crescente de empresas por processos de seleção automatizados. A gente elabora uma experiência de inscrição e recrutamento muito mais ágil e fluida, sem aqueles formulários longos que perguntam até os nomes dos pais do candidato”, conta Kleber. “É a tecnologia sendo usada para que as empresas ganhem tempo na seleção.”

Quando a Matchbox é procurada por uma empresa, ela cobra de R$ 30 mil a R$ 150 mil para formular os testes personalizados – o preço varia de acordo com o número de vagas a serem preenchidas.

Ela cria personagens que conversarão com os candidatos e enviarão perguntas sobre dados pessoais ou conhecimentos de inglês, por exemplo.

“Dá para colocar vídeos, perguntas, imagens, áudios. O principal uso da ferramenta é para programas de trainee e de estágio, que recebem muitas inscrições”, explica o CEO da empresa.

Agilidade e apelo jovem

Esses novos processos seletivos facilitam, inclusive, a participação de candidatos que moram longe dos grandes centros urbanos. Mesmo nas entrevistas, é possível usar programas de interação em vídeo, como o Skype.

As empresas também têm a ganhar: além de avaliarem mais habilidades dos candidatos, conseguem ganhar tempo – a inteligência artificial filtra os currículos que têm mais a ver com o perfil da vaga. Deixa de ser necessário avaliar páginas e mais páginas de inscrições.

Márcia, da ESPM, explica que, para atrair recém-formados e jovens em geral, não basta ser digital. “Precisa ter boa interface para o celular. Se quero atingir essa faixa etária específica, preciso saber onde ela está. E não é nos desktops”, diz.

Há um ano, Renato Dias fundou o Taqe, um aplicativo de celular que funciona como um jogo para capacitar jovens e recomendá-los ao mercado de trabalho. Eles se inscrevem, assistem a vídeos de conteúdo e fazem testes de personalidade, de conhecimento e de lógica.

Com os resultados, o sistema detecta um perfil do candidato e elabora uma ficha com suas características. Depois, faz um cruzamento de dados com as vagas disponíveis, cadastradas por uma das 15 empresas parceiras – até dar “match”. Há oportunidades no Santander, na Nestlé e na Danone, por exemplo. O empregador recebe uma lista com os jovens que mais se encaixam naquela proposta – e os candidatos são informados sobre quais vagas têm o perfil deles.

“Nosso foco é para jovens de 16 a 24 anos, das classes C, D e E. É um olhar de impacto social, porque percebemos que essas pessoas são muito afetadas pelo desemprego e não têm clareza sobre suas potencialidades, talentos e caminhos possíveis”, diz Renato. “Elas estão acostumadas a nem receberem um retorno dos processos seletivos. Na Taqe, a gente ajuda que expressem quem são, sem precisar de um currículo.”

E a profissão de RH nisso?

Apesar de toda a automatização dos processos seletivos, os profissionais de RH não estão sendo substituídos pela inteligência artificial. As entrevistas ainda ocorrem pessoalmente, mas em fases mais avançadas, quando já foi feita uma triagem de currículos e selecionados os mais interessantes para a vaga.

“Por mais que ocorram revoluções, a gente ainda precisa de seres humanos no processo”, diz Maria Amália, professora do curso de gestão de pessoas e RH na Anhembi Morumbi (SP).

Kleber, CEO da Matchbox, reforça a necessidade de o profissional de RH se manter atualizado e acompanhar as novidades da área.

“O setor passa a trabalhar com outras áreas, como de engenharia, de administração e de tecnologia. Precisa ter essa visão complementar”, afirma. “E é bom lembrar que nada vai substituir os recrutadores. Os meios tecnológicos vão poupar tempo das equipes de recursos humanos e entregar resultados mais assertivos.”


Fonte: Luiza Tenente | G1

COMENTARIOS

Mais de Tecnologia

Liberdade De Expressão

ONU e organismos internacionais defendem liberdade de expressão online

Parlamentos e empresas de modo a assegurar esse exercício.

14 de Julho de 2019 as 23h51

Ranking

Qualidade de vida digital: conheça os países mais conectados do mundo

Conheça lugares que atraem pessoas do mundo todo com inovação, serviços online e um estilo de vida digital. Brasil está no final do ranking, em 50º lugar de 68 países.

14 de Julho de 2019 as 22h59

Tecnologia x Privacidade

Google admite que humanos escutam gravações do assistente de voz e defende prática

Empresa disse que 0,2% de áudios são ouvidos por especialistas em linguagem para ajudar a desenvolver tecnologia de reconhecimento de voz.

12 de Julho de 2019 as 19h31

Inovação

BRF digitaliza fábrica e passa a usar smartphones em controle de qualidade

O app utilizado pelos funcionários registra dados como diâmetro e temperatura das pizzas na linha de produção.

11 de Julho de 2019 as 07h27

Segurança

Instagram anuncia novos recursos para combater o bullying

Usuários poderão restringir mensagens maldosas sem que o autor sabia disso. Outra ferramenta dará um alerta a pessoa que escrever postagem ofensiva.

08 de Julho de 2019 as 21h25

Levantamento

Mais de 60% dos jovens usam celular para pagamentos, indica pesquisa

De acordo com o levantamento, 64% dos jovens realizam frequentemente ou ocasionalmente pagamentos por meio de aplicativos, enquanto 57% fazem essas operações em navegadores móveis.

06 de Julho de 2019 as 22h21

Proteção De Dados

Gigantes da tecnologia tentam dar mais privacidade a usuários, mas esbarram no próprio modelo de negócio

Pressionados, Google e Facebook fazem promessas sobre o tema, mas dados de usuários ainda são 'moeda' importante no setor, dizem analistas.

04 de Julho de 2019 as 21h23

Instabilidade

WhatsApp tem instabilidade e não baixa áudio ou faz download de imagens

Mensageiro apresenta problemas para baixar áudios e imagens no aplicativo para Android e iPhone (iOS), além da versão web; Instagram e Facebook também estão com falhas

03 de Julho de 2019 as 11h50

Dados

Banda larga cresce 5,5% nos últimos 12 meses

Os dados foram divulgados hoje (24) pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), considerando as conexões registradas em maio.

24 de Junho de 2019 as 23h22

Invesigação

Congresso dos EUA vai investigar Facebook, Google, Microsoft e Apple

Objetivo é avaliar se empresas promoem práticas anticompetitivas

16 de Junho de 2019 as 16h17

Lançamento

Apple lança iOS 13, anuncia sistema operacional próprio para o iPad e acaba com iTunes

Para os celulares, atualização estará disponível a partir do iPhone 6S. Empresa também mostrou novidades para o relógio inteligente Watch, além de uma nova versão do computador Mac Pro.

03 de Junho de 2019 as 22h05

FX Suspensa

Fx Trading está suspensa no Brasil sob pena de multa, diz CVM

A autarquia, então, determinou que fosse imediatamente suspensa veiculação de qualquer oferta pública de investimentos

20 de Maio de 2019 as 14h37

Denúncia

Disque 100 e Ligue 180 recebem denúncias por aplicativo

Os canais de denúncia são gratuitos e funcionam 24 horas por dia, todos os dias da semana

13 de Maio de 2019 as 20h25

Internet Móvel

5G já é realidade nos EUA e na Coreia do Sul: quando chegará ao Brasil?

Nesta semana, países tiveram o lançamento dos primeiros serviços comerciais da tecnologia — mas a maior parte do mundo ainda está na fase de testes, como o Brasil.

08 de Abril de 2019 as 23h17

Dados Expostos

Dados de 540 milhões de usuários do Facebook ficam expostos

Entre as informações vazadas estavam curtidas, comentários, fotos, músicas, informações sobre amigos, eventos e reservas de voos e hotéis dos usuários

04 de Abril de 2019 as 09h33

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

Enquete

veja +

COTAÇÃO