Variedades

Ferrari de US$ 48 milhões bate recorde de carro mais caro vendido em leilão

Modelo 250 GTO, de 1962, foi arrematado em evento na Califórnia. Apenas 36 unidades do esportivo foram produzidas.

Recorde | 27 de Agosto de 2018 as 11h 48min
Fonte: Auto Esporte

Uma Ferrari 250 GTO, de 1962, foi vendida por US$ 48,4 milhões e bateu o recorde de carro mais caro arrematado em um leilão, informou a RM Sotheby´s, organização responsável pelo evento, em Monterrey, na Califórnia.

Vendida no último final de semana por valor equivalente a quase R$ 200 milhões (R$ 198,7 milhões, na cotação atual), o modelo superou outra Ferrari 250 GTO, que foi vendida em 2014 por US$ 38 milhões.

Com apenas 36 unidades fabricadas entre 1962 e 1964, a 250 GTO se tornou um ícone das pistas de corrida e o maior desejo dos colecionadores, o que rendeu o apelido de "Santo Graal".

Modelo histórico

O chassis 3413 GT foi o terceiro a ser produzido e teve como primeiro dono Edoardo Lualdi-Gabardi, que colocou o carro para disputar 10 corridas em 1962 - só não venceu uma, ficando em segundo.

Lualdi-Gabardi recebeu outra 250 GTO no ano seguinte e vendeu a anterior para Gianni Bulgari, da família que fundou a marca de relógios e joias de mesmo nome. Entre 1963 e 1964, o carro terminou 20 corridas, sem nenhum acidente, com toda a mecânica original.

Depois da glória nas pistas, o modelo passou pela garagem dos maiores colecionadores do mundo, até chegar em 2000 na casa de Greg Whitten, ex-chefe de arquitetura de software da Microsoft.

COMENTARIOS

Disk Bem

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

TEMPO AGORA

Hoje, Sexta Feira

Lucas do Rio Verde, MT

Tempestades

31º

COTAÇÃO