Variedades

Lucas do Rio Verde 30 Anos: Pioneirismo e Liderança

Pioneiros comentam as três décadas de Lucas do Rio Verde, durante Expolucas 2018.

Expolucas 30 Anos | 03 de Agosto de 2018 as 17h 28min
Fonte: Portal Da Cidade | José Boas

Antonio Fraga Lira, pioneiro luverdense (Foto: Reprodução | Ascom)

Na noite de abertura (1º) da Expolucas 2018, no Pavilhão do Algodão, aconteceu a cerimônia especial de inauguração do Museu Histórico de Lucas do Rio Verde. Durante o evento estiveram presentes diversos dos pioneiros que compuseram a história dos primeiros dias da cidade como município e muitos deles, em seus depoimentos, não esconderam o misto de orgulho e emoção.

Longa história para poucas linhas
Em seu depoimento, o primeiro vereador por Lucas do Rio Verde, Antônio Fraga Lira, concedeu entrevista exclusiva ao Portal da Cidade e comentou um pouco de sua sensação de ter feito parte dos capítulos iniciais da saga do município: “Essa história é muito longa e muito bonita para resumirmos em uma só entrevista, mas o que dá para dizer é que a gente sente muita alegria e ver que temos documentos preservados que contam tudo que aconteceu [...] lembro que naquela época lutávamos contra tudo [...] risco de termos que abandonar nossas propriedades, a distância, a dificuldade de comunicação, enfim, tudo indicava para uma derrota iminente de todos os nossos sonhos. Foi nesse momento que a gente se uniu, propuseram que eu me candidatasse e daí veio a eleição [...] lutamos para garantir a posse das terras, a transformação de Lucas do Rio Verde em distrito e, mais tarde, para termos o plebiscito e a emancipação. Posso dizer que tudo valeu a pena, conseguimos nossos objetivos e muito mais do que esperávamos naquela época”, comentou, emocionado.

Outro pioneiro bastante emocionado com as homenagens era Edu Paskoski, prefeito de Itanhangá. Em sua avaliação, “quem se dispõe a ajudar a construir um sonho, a contribuir com a sociedade de uma forma ou de outra, vê momentos como esses com muita alegria e orgulho. Eu me sinto orgulhoso em poder dizer aos meus filhos que dei minha pequena parcela de contribuição para que tudo isso se tornasse realidade. Mas é fundamental deixar claro que não fizemos nada mais do que aquilo que esperávamos que cada um fizesse na época e, graças a Deus, deu tudo certo”, enfatiza.

Exportador de Lideranças
Lado a lado, os prefeitos Luiz Binotti e Edu Paskoski lembraram que Lucas do Rio Verde sempre foi um grande exportador de lideranças. Segundo suas recordações, ambos puderam citaram os municípios de Santa Rita do Trivelato, Santa Carmem, Ipiranga do Norte, Itanhangá e Tapurah como municípios que elegeram pessoas que foram também relevantes para Lucas do Rio Verde em seus primeiros anos após a emancipação.

Mais 30 anos
O prefeito Binotti ainda comentou sobre as festividades e sua satisfação de poder ser parte do protagonismo municipal durantes os primeiros 30 anos de Lucas do Rio Verde.

“É uma enorme satisfação, não somente por estar como prefeito neste momento tão fantástico, mas também como alguém que viu e participou da história por dentro dela [...] este museu que hoje inauguramos garante que toda esta saga – e para além dela – possa ser preservada para as futuras gerações. As nossas crianças, estas mesmas que herdarão tudo isso e serão responsáveis por dar continuidade ao legado que deixarmos, precisam saber que não há almoço de graça, que houve quem teve coragem de desbravar o mato, lavrar a terra, construir as primeiras casas [...] que nada veio pronto e acabado”, resumiu.

COMENTARIOS

Guia MT

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

TEMPO AGORA

Hoje, Sexta Feira

Lucas do Rio Verde, MT

º

COTAÇÃO