Saúde

Butantan começa a negociar doses da CoronaVac com cinco estados

Serão entregues 2,5 milhões de doses dessa vacina, diz Butrantan

Fonte:EBC
22 de Setembro de 2021 as 13h 15min

© Breno Esaki/Agência Saúde DF

Após cumprir dois contratos que previam a entrega de 100 milhões de doses da CoronaVac ao Ministério da Saúde, o Instituto Butantan passa agora a negociar doses desse imunizante diretamente com os estados. Até agora, cinco estados já firmaram acordo com o Instituto Butantan: Ceará, Piauí, Mato Grosso, Espírito Santos e Pará.

A CoronaVac é uma vacina contra a covid-19, aplicada em duas doses, que é produzida pelo Instituto Butantan e pelo laboratório chinês Sinovac. Esta é a vacina mais aplicada no mundo.

Segundo o Butantan, 2,5 milhões de doses dessa vacina serão entregues a estes cinco estados. A informação foi dada hoje (22), na sede do instituto, em São Paulo, e contou com a participação de cinco governadores, com exceção do governador de Mato Grosso. Participaram da entrevista os governadores João Doria (São Paulo), Wellington Dias (Piauí), Helder Barbalho (Pará), Renato Casagrande (Espírito Santo) e Camilo Santana (Ceará).

Desde janeiro, o Instituto Butantan vinha fornecendo vacinas ao Ministério da Saúde. Na semana passada, o governador de São Paulo havia informado que o Instituto Butantan finalizou a entrega das 100 milhões de doses para o ministério, que as distribuiu para a população por meio do Programa Nacional de Imunizações (PNI).

Doses recolhidas

Durante a coletiva, o governador de São Paulo, João Doria, comentou sobre o fato da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) ter interditado alguns lotes da vacina CoronaVac por terem sido produzidas em uma fábrica da Sinovac, na China, que ainda não foi vistoriada pelo órgão. Hoje (22), a Anvisa anunciou o recolhimento dessas doses que haviam sido interditadas.

“O governo de São Paulo orientou o Instituto Butantan a recolher todas as doses. Todas as doses já foram recolhidas. Elas estão interditadas pela Anvisa, mas a interdição não significa proibição de uso e nem destruição das doses. Estamos apenas aguardando que a fiscalização nessa nova fábrica construída pela Sinovac em Pequim possa ser fiscalizada pela Anvisa”, disse Doria.

De acordo com  o diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas, algumas vacinas desses lotes interditados chegaram a ser aplicadas, antes de terem sido suspensas pela Anvisa. Covas disse que o Butantan tem monitorado essas pessoas e nenhuma delas apresentou qualquer reação ou teve algum problema. Covas disse também que o Instituto não descarta a possibilidade de que essas vacinas de lotes interditados pela Anvisa possam retornar para a China ou ainda de que sejam doadas para outros países. “São vacinas que não tem problemas de qualidade”, ressaltou ele.

O secretário estadual da Saúde de São Paulo, Jean Gorinchteyn, ressaltou que essas doses já haviam sido analisados pelo Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde (INQCS) e também pelo Instituto Butantan. E informou que cerca de 3,8 milhões de doses desses lotes já tinham sido aplicadas no estado paulista, antes do anúncio de suspensão.

“A partir do momento em que a Anvisa fez essa referência, de forma imediata os municípios paulistas receberam ofício de que nenhuma dessas doses daqueles lotes deveriam ser aplicadas e que deveriam ser armazenadas e mantidas em condição de refrigeração”, informou Gorinchteyn. “Em paralelo iniciamos um programa de fármaco-vigilância. Felizmente não tivemos nenhum paciente que recebeu qualquer uma dessas doses apresentando reações”, explicou.

 

 


Siga MT Agora no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para entrar em nosso grupo do WhatsApp clicando AQUI e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros

COMENTARIOS

Mais de Ciência e Saúde

Saúde

Brasil recebe lote de 4,5 milhões de doses da vacina da Pfizer

Carregamento com 1,3 milhão de doses deve chegar amanhã

16 de Outubro de 2021 as 10h15

Saúde

Covid-19: Rio conclui hoje segunda dose da vacinação em massa da Maré

Estudo da Fiocruz no bairro avalia efetividade da AstraZeneca

16 de Outubro de 2021 as 10h00

Saúde

Covid-19: São Paulo tem 5 mil postos abertos hoje para segunda dose

Objetivo do Dia V é aumentar cobertura vacinal no estado

16 de Outubro de 2021 as 06h00

Saúde

Covid-19: cai de 12 para 8 semanas prazo entre as doses da AstraZeneca

Fica a cargo dos municípios ajustes de calendários para aplicação

15 de Outubro de 2021 as 19h00

Saúde

Covid-19: em 24 horas foram registrados 15,2 mil casos e 570 mortes

15 de Outubro de 2021 as 18h45

Saúde

Estado do Rio tem a maior queda de óbitos e internações por covid-19

Índice, que é medido desde julho de 2020, teve maior queda

15 de Outubro de 2021 as 18h00

Saúde

Fiocruz entrega cerca de 4 milhões de doses da vacina de covid-19

Imunizantes foram entregues ao Ministério da Saúde

15 de Outubro de 2021 as 17h00

Saúde

Atrasos de fabricantes adiam reforço da vacina contra covid-19 no Rio

Previsão de atraso do cronograma é de quatro dias

15 de Outubro de 2021 as 10h15

Saúde

Covid-19: 150 milhões de pessoas foram vacinadas com a primeira dose

Cerca de 101 milhões completaram o ciclo vacinal

14 de Outubro de 2021 as 20h30

Saúde

Anvisa e empresários discutem protocolos para retomada de cruzeiros

Serviços foram suspensos com a pandemia de covid-19

14 de Outubro de 2021 as 19h15

Saúde

Covid-19: ação busca imunização completa de adultos na Maré até sábado

Primeira etapa da campanha superou meta e imunizou 37 mil pessoas

14 de Outubro de 2021 as 18h30

Saúde

Vacinação reduziu mortes por covid-19 no segundo semestre

Apesar do cenário, pesquisadores defendem avanço na vacinação

14 de Outubro de 2021 as 17h45

Saúde

Covid-19: casos sobem para 21,6 milhões e mortes, para 602 mil

Informações foram divulgadas pelo Ministério da Saúde

14 de Outubro de 2021 as 17h45

Saúde

Ministério da Saúde lança campanha nacional de combate à sífilis

Gestantes representaram mais da metade dos casos contraídos em 2020

14 de Outubro de 2021 as 16h00

Saúde

São Paulo libera distanciamento mínimo em escolas, cinemas e teatros

Decisão da prefeitura começa a valer a partir de amanhã

14 de Outubro de 2021 as 15h00

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

ENQUETE

veja +

COTAÇÃO