Economia

Entidades do setor produtivo criticam alta da Selic

Para CNI, elevação diminuirá produção, consumo e emprego

Fonte:Agência Brasil
03 de Agosto de 2022 as 21h 00min

© Marcello Casal JrAgência Brasil

A elevação da taxa Selic (juros básicos da economia) para 13,75% ao ano recebeu críticas do setor produtivo. Para entidades da indústria, a decisão do Comitê de Política Monetária atrasa a recuperação da economia, aumentando custos e reduzindo a produção, o consumo e o emprego.

Em nota, a Confederação Nacional da Indústria (CNI) classificou o aumento da Selic de “equivocado”. Para a entidade, o fato de os juros estarem 7,8% acima da inflação esperada para daqui a 12 meses indica que a elevação foi exagerada.

“A CNI entende que, neste momento, o novo aumento da taxa de juros é dispensável para o combate da inflação e trará custos adicionais desnecessários para a atividade econômica, com reflexos negativos sobre consumo, produção e emprego”, afirmou, em nota, o presidente da confederação, Robson Andrade.

Para a CNI, o Banco Central (BC) não precisaria aumentar os juros porque medidas recentes, como a redução de impostos sobre energia elétrica, combustíveis, telecomunicação e transporte coletivo estão fazendo a inflação cair. “Para julho e agosto, inclusive, a expectativa é de deflação”, destacou a entidade no comunicado.

A Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan) informou, em nota, que “considera inadequada a decisão do Banco Central de elevar a taxa básica de juros para 13,75% ao ano. Ainda que desde março de 2021 a taxa Selic venha sofrendo consecutivos aumentos na tentativa de frear o consumo, as expectativas com relação à inflação a frente seguem desancoradas.”

O comunicado diz ainda que o desajuste no nível de preços da economia não é um fenômeno exclusivamente de demanda, mas sobretudo de restrição de oferta. “A dinâmica inflacionária é, em larga medida, resultado da desorganização das cadeias globais de produção, provocada pela pandemia de covid-19 e potencializada pelos impactos derivados da guerra na Ucrânia. Os choques repercutiram, sobretudo, na alta dos preços dos insumos e matérias-primas.”

Este 12º aumento consecutivo da taxa Selic não apenas sacrifica o setor produtivo – que ainda convive com efeitos da alta de custos, mas também eleva a dívida pública. “Em um momento em que o mundo atravessa período de elevada incerteza, alimentada por guerra, covid-19 e risco de recessão, é imprescindível a adoção de uma política monetária mais moderada, que esteja atenta aos desafios do crescimento econômico nos próximos anos”, avaliou a entidade.

Ademais, no âmbito fiscal, em ano eleitoral, reforça-se a necessidade de manutenção de uma gestão fiscal responsável. “A busca pela aprovação de reformas estruturais gerará um ambiente de maior credibilidade, viabilizará a realização de investimentos em setores estratégicos da economia e contribuirá para a estabilidade de preços no longo prazo.”


Siga MT Agora no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para entrar em nosso grupo do WhatsApp clicando AQUI e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros

COMENTARIOS

Mais de Economia

Economia

Alta da Selic impactou lucro da Caixa, diz vice-presidente do banco

Recorde no crédito imobiliário e agrícola compensou redução nos ganhos

18 de Agosto de 2022 as 18h45

Economia

Intenção de consumo das famílias mantém crescimento

Famílias com renda acima de dez mínimos se mostram mais otimistas

18 de Agosto de 2022 as 14h15

Economia

Beneficiários com NIS de final 8 recebem Auxílio Brasil

Auxílio Gás, no valor de R$ 110, também será pago hoje

18 de Agosto de 2022 as 05h15

Economia

Dólar sobe para R$ 5,16 após ata do Banco Central americano

Bolsa de valores oscila, mas fecha a quarta-feira com alta de 0,17%

17 de Agosto de 2022 as 19h30

Economia

Com leilão de Congonhas, tráfego aéreo privatizado pode passar de 90%

Aeroporto é o que registra maior trânsito de executivos no Brasil

17 de Agosto de 2022 as 19h00

Economia

Pesquisa aponta redução de 404 mil trabalhadores no comércio em 2020

Comércio por atacado foi o único a ampliar número de funcionários

17 de Agosto de 2022 as 09h30

Economia

IGP-10 tem queda de preços de 0,69% em agosto

Tanto os preços do atacado quanto os do varejo tiveram deflação no mês

17 de Agosto de 2022 as 07h45

Economia

Beneficiários com NIS de final 7 recebem Auxílio Brasil

Auxílio Gás, no valor de R$ 110, também será pago hoje

17 de Agosto de 2022 as 05h00

Economia

Promulgada lei que simplifica regras trabalhistas em novas calamidades

Medidas adotadas na pandemia poderão ser acionadas no futuro

16 de Agosto de 2022 as 17h00

Economia

Auxílio Taxista começa a ser pago com parcela dobrada

Cerca de 245 mil motoristas receberão R$ 2 mil neste mês

16 de Agosto de 2022 as 05h45

Economia

Auxílio Brasil é pago hoje a beneficiários com NIS final 6

Inscritos no CadÚnico também recebem o Auxílio Gás

16 de Agosto de 2022 as 05h30

Economia

Dólar sobe para R$ 5,09 com preocupações sobre China

Bolsa reverte queda e fecha com alta de 0,24%

15 de Agosto de 2022 as 19h15

Economia

Empresas de telecom investiram R$ 8,3 bilhões no 1º trimestre

O montante representa um crescimento nominal de 3,8%

15 de Agosto de 2022 as 16h15

Economia

Começa hoje prazo para declarar imposto sobre propriedade rural

Declaração deve ser entregue as 23h59m do dia 30 de setembro

15 de Agosto de 2022 as 13h45

Economia

Presidente do BC diz que inflação ainda está "bastante alta

Para Campos Neto, inflação no país é reflexo do cenário internacional

15 de Agosto de 2022 as 12h45

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

ENQUETE

veja +

COTAÇÃO