Economia

IBGE aponta aumento da ocupação na atividade econômica no 2º trimestre

Desempenho do comércio e da indústria foi destaque, revela pesquisa

Fonte:Agência Brasil
29 de Julho de 2022 as 14h 15min

© Fernando Frazão/Agência Brasil

A expansão da ocupação no segundo trimestre deste ano foi disseminada entre diversas atividades econômicas como indicam os dados da Pnad Contínua, divulgada hoje (29) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Os destaques foram comércio (3,4%), indústria (2,7%), administração pública, defesa, seguridade social, educação, saúde humana e serviços sociais (4,5%).

Segundo a coordenadora de Pesquisas por Amostra de Domicílios do IBGE, Adriana Beringuy, no último grupo de atividades, a expansão de 739 mil pessoas foi influenciada pela educação básica, especialmente o ensino fundamental. Além do comportamento sazonal de expansão desse grupamento, a intensificação das atividades presenciais levou à absorção de profissionais no segmento da educação com contribuição ainda das contratações na área de saúde.

Adriana Beringuy informou que, de maneira geral, a série histórica mostra que tal grupamento costuma começar o ano com retração e apresentar crescimento a partir do segundo trimestre. Esse comportamento só não foi notado nos anos de 2020 e 2021, e embora tenha havido variação positiva da população ocupada no grupamento, não foi estatisticamente significativa. Mas, no segundo trimestre deste. ano voltou a ocorrer a sazonalidade.

De acordo com Adriana, esse grupamento inclui vários segmentos, entre os quais, educação pública e privada e saúde, que mais tiveram expansão. “Pode ser que, em função desses dois anos [2020 e 2021], devido a uma certa suspensão parcial de atividades presenciais de educação, a expansão tenha sido mais tímida. Com a intensificação do retorno das atividades presenciais de educação, foi necessário mobilizar ou remontar a estrutura ou a infraestrutura dos estabelecimentos de ensino."

Ela ressaltou que o avanço na educação não se restringiu aos professores, mas também aos profissionais de serviços auxiliares ao setor, além da movimentação dos serviços hospitalares. “Como a educação básica, fundamental, é provida essencialmente pela rede pública, são as prefeituras que provêm este serviço. E acaba sendo o setor público da educação um dos maiores responsáveis pelo crescimento da população ocupada nesta atividade.”

Indústria

Adriana destacou que a indústria teve participação importante na ocupação de mais 332 mil pessoas, com crescimento de 2,7% no trimestre e de 10% no ano. “A expansão vem da indústria de alimentos, da parte de confecções, e teve um pouco de indústria de máquinas e equipamentos. Foi um processo de absorção importante de trabalhadores ocupados na indústria, que tem como uma das suas características absorver trabalhadores por meio da carteira. Parte do crescimento da carteira de trabalho é puxada por essa expansão na indústria”, acrescentou.

Na comparação com o trimestre anterior, o comércio absorveu mais 617 mil pessoas, o que, segundo Adriana, também foi uma expansão significativa. “O comércio contribuiu tanto para absorção com carteira como sem carteira. Tivemos muito a parte do comércio tanto de hipermercados, supermercados, vestuário, então, o comércio também está aportando expansão de trabalhadores tanto no trimestre quanto no ano.”

A pesquisa revelou que houve crescimento significativo nos setores de construção (3,8%), com mais 274 mil pessoas; informação, comunicação e atividades financeiras, imobiliárias, profissionais e administrativas (3%), mais 336 mil pessoas; outros serviços (3,2%), mais 158 mil pessoas, e serviços domésticos (4%), ou mais 227 mil pessoas.

A coordenadora de Pesquisas por Amostra de Domicílios do IBGE lembrou que o setor de construção tinha recuado no primeiro trimestre e voltou a crescer, desta vez, 3,8%. “A construção tem o emprego sem carteira e por conta própria como característica mais marcada para esta atividade, que vem crescendo no trimestre e no ano.”

Força de trabalho

A força de trabalho, que reúne pessoas ocupadas e desocupadas, alcançou 108,3 milhões de pessoas, maior contingente da série histórica da pesquisa. A alta é de 1% ou 1,1 milhão de pessoas, frente ao último trimestre. Na comparação com o mesmo período do ano passado, cresceu 4% ou 4,1 milhões de pessoas.

Na contribuição para Instituto de Previdência Social, a Pnad do segundo trimestre identificou o maior contingente de contribuintes, com 62,1 milhões de pessoas ocupadas. “Em termos de percentual de contribuintes, embora seja o maior contingente, o percentual ainda não é. A gente está com 63% de pessoas ocupadas que contribuem para a previdência entre todos os ocupados.”

Pesquisa

De acordo com o IBGE, a Pnad Contínua é o principal instrumento para monitoramento da força de trabalho no país. A amostra da pesquisa por trimestre no Brasil é referente a 211 mil domicílios pesquisados. Ao todo, cerca de 2 mil entrevistadores trabalham na pesquisa, em 26 estados e no Distrito Federal, integrados à rede de coleta de mais de 500 agências do IBGE.

Por causa da pandemia de covid-19, a partir de 17 de março de 2020, o IBGE adotou a coleta de informações da pesquisa por telefone. O retorno da coleta de forma presencial foi em julho de 2021.

Segundo o IBGE, é possível confirmar a identidade do entrevistador no site Respondendo ao IBGE, ou por meio da Central de atendimento (0800 721 8181), conferindo a matrícula, documento de identidade ou CPF, dados que podem ser solicitados pelo informante.


Siga MT Agora no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para entrar em nosso grupo do WhatsApp clicando AQUI e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros

COMENTARIOS

Mais de Economia

Economia

Alta da Selic impactou lucro da Caixa, diz vice-presidente do banco

Recorde no crédito imobiliário e agrícola compensou redução nos ganhos

18 de Agosto de 2022 as 18h45

Economia

Intenção de consumo das famílias mantém crescimento

Famílias com renda acima de dez mínimos se mostram mais otimistas

18 de Agosto de 2022 as 14h15

Economia

Beneficiários com NIS de final 8 recebem Auxílio Brasil

Auxílio Gás, no valor de R$ 110, também será pago hoje

18 de Agosto de 2022 as 05h15

Economia

Dólar sobe para R$ 5,16 após ata do Banco Central americano

Bolsa de valores oscila, mas fecha a quarta-feira com alta de 0,17%

17 de Agosto de 2022 as 19h30

Economia

Com leilão de Congonhas, tráfego aéreo privatizado pode passar de 90%

Aeroporto é o que registra maior trânsito de executivos no Brasil

17 de Agosto de 2022 as 19h00

Economia

Pesquisa aponta redução de 404 mil trabalhadores no comércio em 2020

Comércio por atacado foi o único a ampliar número de funcionários

17 de Agosto de 2022 as 09h30

Economia

IGP-10 tem queda de preços de 0,69% em agosto

Tanto os preços do atacado quanto os do varejo tiveram deflação no mês

17 de Agosto de 2022 as 07h45

Economia

Beneficiários com NIS de final 7 recebem Auxílio Brasil

Auxílio Gás, no valor de R$ 110, também será pago hoje

17 de Agosto de 2022 as 05h00

Economia

Promulgada lei que simplifica regras trabalhistas em novas calamidades

Medidas adotadas na pandemia poderão ser acionadas no futuro

16 de Agosto de 2022 as 17h00

Economia

Auxílio Taxista começa a ser pago com parcela dobrada

Cerca de 245 mil motoristas receberão R$ 2 mil neste mês

16 de Agosto de 2022 as 05h45

Economia

Auxílio Brasil é pago hoje a beneficiários com NIS final 6

Inscritos no CadÚnico também recebem o Auxílio Gás

16 de Agosto de 2022 as 05h30

Economia

Dólar sobe para R$ 5,09 com preocupações sobre China

Bolsa reverte queda e fecha com alta de 0,24%

15 de Agosto de 2022 as 19h15

Economia

Empresas de telecom investiram R$ 8,3 bilhões no 1º trimestre

O montante representa um crescimento nominal de 3,8%

15 de Agosto de 2022 as 16h15

Economia

Começa hoje prazo para declarar imposto sobre propriedade rural

Declaração deve ser entregue as 23h59m do dia 30 de setembro

15 de Agosto de 2022 as 13h45

Economia

Presidente do BC diz que inflação ainda está "bastante alta

Para Campos Neto, inflação no país é reflexo do cenário internacional

15 de Agosto de 2022 as 12h45

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

ENQUETE

veja +

COTAÇÃO