Quinta, 18 de Julho de 2024
16°C 32°C
Lucas do Rio Verde, MT
Publicidade

CDR aprova cobrança proporcional de diária em hotel

A Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo (CDR) aprovou nesta terça-feira (21) projeto de lei que estabelece a cobrança proporcional da prim...

21/11/2023 às 12h20
Por: Redação Fonte: Agência Senado
Compartilhe:
Dr. Hiran relatou o projeto de Ciro Nogueira - Foto: Pedro França/Agência Senado
Dr. Hiran relatou o projeto de Ciro Nogueira - Foto: Pedro França/Agência Senado

A Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo (CDR) aprovou nesta terça-feira (21) projeto de lei que estabelece a cobrança proporcional da primeira e da última diária em hospedagem, quando o período for menor que 22 horas. O PL 2.645/2019 , do senador Ciro Nogueira (PP-PI), foi aprovado na forma de substitutivo do senador Dr. Hiran (PP-PR) e segue para análise pela Comissão de Fiscalização e Controle (CTFC).

Ao justificar o projeto, Ciro destacou que, como não há relação entre os horários de voos ou do transporte rodoviário com os horários de entrada e saída dos hotéis, os hóspedes acabam prejudicados com a diminuição de suas diárias para menos do que as 24 horas previstas na Lei Geral do Turismo ( Lei 11.771, de 2008 ).

Pela proposta aprovada, o contrato de hospedagem deve prever a proporcionalidade, assim como possibilidade de diferentes horários de check-in e de check-out do hóspede se ele reservar apenas uma diária. Além disso, deve estar claro, no caso de contrato de várias diárias, que o descumprimento de duração, quer na primeira, quer na última diária, deve gerar a redução proporcional do preço cobrado.

De acordo com a lei que rege o turismo, entende-se por diária o preço de hospedagem correspondente à utilização da unidade habitacional e dos serviços incluídos, no período de 24 horas compreendido nos horários fixados para entrada e saída de hóspedes. Dr. Hiran considerou, no entanto, que um período mínimo de 22 horas para a diária inaugural respeita a jurisprudência do Superior Tribunal de Justiça (STJ) sobre o tema, segundo a qual é preciso conceder aos estabelecimentos de hospedaria tempo suficiente e adequado à organização e limpeza das unidades habitacionais antes da entrada de novo cliente.

— Essa proposta torna mais justa a questão da cobrança de diárias fracionadas àquelas pessoas que fazem uma reserva no dia anterior e fazem seu check-in no dia subsequente, muitas vezes por um atraso no avião ou alguma razão superveniente, e que sejam cobrados de maneira proporcional ao tempo em que eles utilizaram essa diária — argumentou Dr. Hiran.

A versão original do texto alterava o Código de Defesa do Consumidor ( Lei 8.078, de 1990 ), mas o relator decidiu, por melhor técnica legislativa, incluir o dispositivo na Lei Geral do Turismo.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Lucas do Rio Verde, MT
24°
Parcialmente nublado

Mín. 16° Máx. 32°

23° Sensação
2.33km/h Vento
30% Umidade
0% (0mm) Chance de chuva
07h06 Nascer do sol
06h33 Pôr do sol
Sex 33° 16°
Sáb 35° 17°
Dom 36° 19°
Seg 36° 20°
Ter 36° 20°
Atualizado às 18h52
Publicidade
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,54 +1,05%
Euro
R$ 6,04 +0,68%
Peso Argentino
R$ 0,01 +2,42%
Bitcoin
R$ 376,103,80 -0,26%
Ibovespa
127,652,06 pts -1.39%
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade