Política

Debatedores defendem mudanças na legislação de trânsito para estimular carros elétricos

Senadores e especialistas defenderam, nesta quinta-feira (21), a superação de barreiras legais e tributárias para garantir o aumento da frota de ve...

Fonte:Agência Senado
21 de Outubro de 2021 as 14h 30min

Senadores e especialistas defenderam a superação de barreiras legais e tributárias para garantir o aumento da frota de veículos elétricos ultracompactos no Brasil - Leopoldo Silva/Agência Senado

Senadores e especialistas defenderam, nesta quinta-feira (21), a superação de barreiras legais e tributárias para garantir o aumento da frota de veículos elétricos ultracompactos no Brasil. Semelhantes a quadriciclos, os veículos têm cabines fechadas e capacidade para apenas dois ocupantes. O tema foi debatido em uma audiência pública da Comissão de Ciência e Tecnologia (CCT).

Para o presidente do colegiado, senador Rodrigo Cunha (PSDB-AL), “gargalos” na legislação de trânsito dificultam a expansão da frota de carros elétricos. Ele cita como exemplo uma resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), que autoriza a circulação dos veículos apenas em áreas urbanas e proíbe o tráfego em rodovias federais, estaduais e do Distrito Federal. Para Cunha, o Brasil precisa se preparar para receber novas tecnologias.

— O preço da gasolina está altíssimo e tem que ser discutido. Mas, se o Brasil inteiro fica olhando apenas para o momento atual, esquecemos de olhar para o futuro. E o futuro não é mais o combustível como conhecemos. Não é mais a gasolina, o álcool ou o diesel. São os veículos elétricos. Nós, no Brasil, temos muito a avançar. Precisamos identificar onde estão os gargalos que são capazes de inibir esse avanço — disse.

O presidente da Associação Brasileira do Veículo Elétrico (ABVE), Adalberto Maluf, sugeriu mudanças nas resoluções do Contran.

— A gente vê esse problema em muitas cidades do interior, cortadas por grandes rodovias estaduais e federais. Às vezes, a pessoa não pode passar de um lado para outro da cidade. Se ela cruza a rodovia, está cometendo uma ilegalidade e fica sujeito à apreensão pela polícia — criticou.

Maluf também questionou as alíquotas de dois tributos cobrados sobre veículos elétricos. Ele citou o exemplo as bicicletas elétricas, que pagam 20% de Imposto de Importação e 35% de Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI).

— Isso não faz sentido num mundo globalizado — argumenta.

O diretor do Departamento de Segurança no Trânsito da Secretaria Nacional de Trânsito (Senatran), Daniel Mariz Tavares, reconhece que a regulamentação dos carros elétricos enfrenta “desafios”. Para ele, o Contran está aberto para rever as normas de circulação dos veículos, desde que a segurança dos usuários seja garantida.

— É um desafio muito grande regulamentar essas tecnologias no campo do trânsito e da segurança viária. Mas há espaço para tratar desses temas. A restrição da circulação dos veículos ultracompactos em rodovias vem muito da primeira análise comparativa com os triciclos com cabines. Mas sendo demonstrada a segurança em ambientes urbanos e em vias locais, estamos abertos ao diálogo para aprimorar a legislação — disse.

Transição

Os carros elétricos respondem por 1,4% das vendas de veículos no Brasil. Na Alemanha, eles já são 28% da frota. Na China, 30%. Para Igor Calvet, presidente da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), o mundo atravessa “uma transição bastante forte” na mobilidade urbana que pode trazer benefícios econômicos em ambientais. Ele cita como exemplo um projeto desenvolvido no Paraná.

— A cada veiculo elétrico compartilhado que colocamos nas ruas, oito veículos a combustão saíram das ruas. O que significa isso para o poder público? Um custo de manutenção menor e a possibilidade de reduzir sua frota. São 2,4 mil litros de combustível economizado em um ano e cinco meses de projeto. Conseguimos evitar 8,4 toneladas de CO2 na atmosfera — disse.

Para o vice-presidente da Associação Brasileira de Veículos Elétricos Inovadores (Abravei), Rodrigo de Almeida Vieira Dias, as cidades “estão doentes por causa dos automóveis à combustão”.

— Os veículos elétricos podem e devem ser a solução para essa doença que a gente vive hoje. Durante a greve dos caminhoneiros que ocorreu há alguns anos, em uma semana, a poluição na cidade de São Paulo despencou em 50%. E o volume de atendimentos médicos no sistema de saúde por problemas respiratórios caiu notoriamente. A gente precisa transformar essas tecnologias em algo palpável, concreto, possível e viável financeiramente — disse.

Para o senador Jean Paul Prates (PT-RN), os fabricantes de veículos elétricos no Brasil “estão por toda parte”. Ele reconhece, no entanto, que o setor ainda atua sem a devida atenção dos Poderes Executivo e Legislativo.

— A mobilidade elétrica tem que chegar no espírito público. A mobilidade elétrica no futuro próximo permitirá que a mobilidade urbana seja gratuita. Até porque o serviço privado vai ser tão barato, que se o serviço público não for gratuito não atrairá mais ninguém — argumenta.

O professor de Engenharia Elétrica Marcus Tulius Barros Florentino, do Instituto Federal de Alagoas (Ifal), lembra que os motores elétricos são mais eficientes que os propulsores a combustão.

— Falamos de uma eficiência de energia de 90%. Nos veículos que utilizam os combustíveis fósseis, a eficiência gira em torno de 30%. O que significa isso? Estamos falando que 70% da energia demandada pelo motor é dissipada, principalmente na forma de calor. Apenas 30% seria utilizado para utilizar essa energia disponível em movimento — explica.


Siga MT Agora no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para entrar em nosso grupo do WhatsApp clicando AQUI e deixar aqui abaixo o seu comentário.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros

COMENTARIOS

Mais de Política

Política

Projeto impede União de reter transferências voluntárias para planos de resíduos sólidos

O Projeto de Lei Complementar 307/16 permite a transferência voluntária de recursos para ações de financiamento de planos de resíduos sólidos mesmo...

02 de Dezembro de 2021 as 17h00

Política

Comissão debate uso do reconhecimento fotográfico em investigações policiais

Fernando Frazão/Agência Brasil Pesquisa levantou prisões injustas baseadas no reconhecimento fotográfico A Comissão de Legislação Participativa d...

02 de Dezembro de 2021 as 17h00

Política

Senado aprova Auxílio Brasil, programa social que substitui o Bolsa Família

Em votação simbólica, o Plenário aprovou a Medida Provisória (MP 1.061/2021) que cria o Auxílio Brasil, programa que substitui o Bolsa Família. A v...

02 de Dezembro de 2021 as 17h00

Política

Esforço concentrado: Senado votou autoridades, precatórios e Auxílio Brasil

O Senado concluiu nesta quinta-feira (2) a semana de esforço concentrado convocada pelo presidente da Casa, Rodrigo Pacheco. Durante o esforço, ini...

02 de Dezembro de 2021 as 16h45

Política

Comissão debate liberdade educacional e novas formas de aprendizagem

monkeybusiness/DepositPhotos Audiência vai debater o pluralismo de concepções pedagógicas A Comissão de Educação da Câmara dos Deputados realiza ...

02 de Dezembro de 2021 as 16h30

Política

Câmara homenageia empresas e pessoas que trabalham em prol da inclusão

Antônio Augusto/Câmara dos Deputados Entrega do prêmio Brasil Mais Inclusão 2021 A Câmara dos Deputados entregou nesta quarta-feira (1º) o Prêmio...

02 de Dezembro de 2021 as 16h30

Política

Girão defende aprovação de projetos que permitem prisão em segunda instância

Em pronunciamento nesta quinta-feira (2), o senador Eduardo Girão (Podemos-CE) voltou a defender que o Senado Federal e a Câmara dos Deputados vote...

02 de Dezembro de 2021 as 16h15

Política

Senadores debatem realização do Carnaval em 2022 na próxima quinta-feira

Carnaval 22 – O Brasil está preparado? Esse é o tema da sessão temática remota a ser realizada no Plenário virtual do Senado, na próxima quinta-fei...

02 de Dezembro de 2021 as 16h00

Política

Especialistas discordam de reserva de alas específicas para atendimento a idosos em hospitais

Paulo Sergio/Câmara dos Deputados Para Tereza Gutierrez, proposta contraria a Constituição Representantes da saúde pública e de entidade que reún...

02 de Dezembro de 2021 as 15h45

Política

Projeto abre crédito de R$ 151 milhões no Orçamento para pesquisas pelo FNDCT

Pedro Ventura/Agência Brasília Maior parte do dinheiro financiará projetos institucionais do CNPq Proposta enviada ao Congresso Nacional pelo Pod...

02 de Dezembro de 2021 as 15h45

Política

Projeto destina R$ 2,8 bilhões para pagar cota extra de auxílio emergencial a pai solteiro

Marcello Casal jr/Agência Brasil Pagamento só será feito a quem estiver cadastrado no site ou aplicativo da Caixa Proposta enviada ao Congresso N...

02 de Dezembro de 2021 as 15h45

Política

CRA fará debate sobre infraestrutura e desenvolvimento em Buritis (RO)

A Comissão de Agricultura e Reforma Agrária (CRA) debaterá, na segunda-feira (6), na Câmara Municipal de Buritis (Rondônia), projetos de obras nas ...

02 de Dezembro de 2021 as 15h30

Política

CCJ aprova homenagem a Murilo Badaró em trecho rodoviário

Antônio Augusto/Câmara dos Deputados Deputada Alê Silva, relatora da proposta na CCJ A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara aprovou...

02 de Dezembro de 2021 as 15h00

Política

Comissão aprova projeto que regulamenta planos de assistência à saúde animal

Cleia Viana/Câmara dos Deputados Glaustin da Fokus recomendou a aprovação de substitutivo A Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Com...

02 de Dezembro de 2021 as 15h00

Política

Comissão vai debater veto à distribuição gratuita de absorventes

Depositphotos Distribuição de absorventes foi vetada por falta de custeio A Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher da Câmara dos Deputados rea...

02 de Dezembro de 2021 as 14h45

Busca telefônica em Lucas do Rio Verde - MT

ENQUETE

veja +

COTAÇÃO